NATAL COM GOSTO AÇORIANO

Desde a sua inauguração que a Colmeia tem como inspiração as maravilhosas ilhas dos Açores para lhe trazer toda uma variedade de doces e pratos feitos com o melhor que a natureza tem para nos dar. 

 

Nesta quadra natalícia, sugerimos-lhe alguns dos nossos docinhos favoritos preparados com os ingredientes da nossa terra e inspirados no acolhedor espírito de Natal que se espalha pelas nossas mágicas ilhas nesta altura do ano.

Inspire-se, delicie-se e espalhe a doçura!

Malamanhado

Ícone Ananás.png

Real como o Ananás Açoriano

Quantas vezes já se ouviu um açoriano dizer com orgulho “é ananás, não é abacaxi!”

 

Assim é o rei da nossa mesa de Natal há já mais de uma mão cheia de anos, o adorado Malamanhado de Ananás.

 

Malamanhado por ser Micaelense mas também por não ter a habitual abertura no meio dos bolos reis tradicionais. No lugar dela está o mais rico recheio de compota de ananás e doce de ovos, que se espalha gentilmente pela massa e lhe dá um aroma inconfundível.

 

É um autêntico bolo rei

com o mais doce dos corações açorianos.

Bolo de Natal Açoriano

Ícone Trigo.png
Ícone Ervilhaca.png

Tradicional como o Trigo e a Ervilhaca

Ele é uma lição de paciência para todos os outros bolos desta lista, não fosse ele o mais tradicional das mesas de Natal açorianas.

 

Apesar de ter diferentes versões, que variam de ilha para ilha e mesmo de família para família, o Bolo de Natal tem algumas que nunca mudam. Uma deles é que, tal como o trigo e a ervilhaca, que têm de ser plantados com antecedência, tem de ser preparado semanas antes do Natal para estar perfeito e com todos os sabores bem apurados no dia da festa. O nosso tem um ingrediente muito especial: compota de ananás

 

Reserve-o logo que possa, para que o preparemos com todo o carinho, da nossa família Colmeia para a sua!

Ícone Hortênsias.png

Queijada Ponta Delgada

Delicadas como as Hortênsias

Ícone Camélia.png

Esperança

Elegantes como as Camélias

Haverá sentimento mais natalício do que a Esperança?

 

Poderá tê-las visto na RTP, na Edição das 7 Maravilhas da Doçaria, a representar os Açores ou, se é um dos seletos felizardos, poderá lembrar-se delas a serem oferecidas depois da procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres pelas freiras do Convento às famílias que por lá passavam.

 

Mas onde sabemos que as vai querer ver é na sua mesa de Natal este ano!

Ícone Criptoméria.png

Trufas

Robustas como as Criptomérias

E como o Natal não é o mesmo sem chocolatinhos, preparamos vários conjuntos de trufas para oferecer, mas não o julgamos se as quiser todas só para si!

 

Preparadas com o mais robusto e irresistível chocolate, o que as torna açorianas são os sabores que as envolvem: o apaixonante maracujá, o rico ananás ou o imponente limão galego.

ESCOLHA A DOÇURA TODA AQUI!

NATAL AÇORIANO